Operação contra CV deixa 25 mortos

Uma operação da Polícia Civil contra a facção Comando Vermelho, no Jacarezinho, no Rio de Janeiro, resultou em um intenso tiroteio e 25 pessoas morreram, no início da manhã desta quinta-feira (06/05). A imprensa fluminense noticiou que trata-se da ação policial mais letal da história do estado.

Um policial civil identificado como André Farias está entre os mortos. A corporação disse que 24 suspeitos de tráfico foram mortos. Em coletiva à tarde, o delegado Rodrigo Oliveira, da Core, disse que dois dos mortos foram alvejados quando atacaram policiais que faziam a perícia no local de outras mortes. Seis pessoas foram presas e armas foram apreendidas.

Pelas redes sociais, moradores relataram que ocorreram ainda mais mortes que as computadas. Também denunciaram invasão de casas e celulares confiscados. Um protesto foi realizado na comunidade e a polícia negou que fez qualquer execução durante a operação.

“Se alguém fala de execução nessa operação, foi no momento em que o policial foi morto com um tiro na cabeça”, disse o delegado Rodrigo Oliveira, da Core.

Dois passageiros do metrô foram baleados dentro de um vagão da linha 2, na altura da estação Triagem, e sobreviveram. Um morador foi atingido no pé, dentro de casa, e passa bem. Dois policiais civis também se feriram.

A investida intitulada de Operação Exceptis investiga o aliciamento de crianças e adolescentes para o tráfico de drogas. Foram apreendidos 15 pistolas, 6 fuzis, uma sub-metralhadora e munição antiaérea. A ação contou com 250 policiais, 4 blindados e 2 helicópteros

Da Redação:NCN=Nossa Conexão News com ib-informe baiano

Reprodução: TV Globo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: